Indaiá 3

Mindfulness: o uso da atenção plena na alimentação e seus benefícios

Concentração e alimentação saudável combinadas em uma prática a favor da saúde

21 de setembro de 2018
Minfulness: técnica que prega a concentração e vivência do momento presente, inclusive na alimentação. (Foto: Banco de Imagens)

Mindfulness: técnica que prega a concentração e vivência do momento presente, inclusive na alimentação. (Foto: Banco de Imagens)

Mindfulness, ou Atenção Plena, como é conhecida no Brasil, é uma técnica que promove a concentração total em um momento enquanto ele acontece no presente. O conceito baseia-se em vivenciar o instante e focar nas sensações e experiências proporcionadas.

Os perigos dos fones de ouvido para a sua saúde
Pílulas anticoncepcionais e os riscos para a saúde
Uso inapropriado de salto alto pode prejudicar a sua saúde
Blog da Lu Lopes: bate papo com a Nynnive Sotero sobre saúde mental

A prática auxilia na melhora da produtividade e do autocontrole, além de diminuir a ansiedade e o estresse da rotina. Uma das principais vantagens é que o Mindfulness é algo muito pessoal, dependendo de cada indivíduo e de como este se utiliza de determinados objetos para conseguir uma concentração máxima, sendo possível ter contato com a técnica durante atividades comuns do dia.

Alimentação e emagrecimento

A relação do Mindfulness com o corpo vai além das técnicas para relaxamento. É possível aliar a técnica com a reeducação de hábitos alimentares e com o emagrecimento saudável. A nutricionista Tetê Dias explica quais os principais benefícios da técnica para a alimentação. “Quando você presta atenção no alimento que está comendo, evitando distrações, como o celular, isso garante um maior equilíbrio tanto da quantidade de alimento ingerido, quanto da conscientização sobre o que você escolher para comer”.

A noção de saciedade está diretamente ligada ao equilíbrio na alimentação. “O hormônio chamado Leptina, responsável pelo controle da ingestão alimentar, demora de 20 a 30 minutos para ser totalmente processado. Então para realmente se sentir satisfeito após comer, o ideal é que a refeição seja feita com calma, justamente adotando a prática. O Mindfulness possibilita que você produza esse hormônio em maior quantidade e, consequentemente, aumenta a sensação de saciedade. Ajuda a emagrecer de uma forma mais tranquila”, explica a nutricionista.

Fome Fisiológica x Fome Psicológica
Evite descontar estresses e dificuldades na sua alimentação! (Foto: Banco de Imagens)

Evite descontar estresses e dificuldades na sua alimentação! (Foto: Banco de Imagens)

A comida é sempre um alvo quando pensamos em descontar estresses e dificuldades que enfrentamos no dia. “Você come suas emoções. Geralmente come rápido porque está estressado, ansioso, sem tempo hábil para se dedicar a um momento por completo. Por isso é tão importante ter noção do que comemos de verdade. Emoção entendida não vira comida!”, alerta Tetê.

Dicas para começar o Mindfulness

A nutricionista Tetê Dias apontou dicas essenciais para quem quer inserir as práticas no dia a dia. Todo mundo pode fazer! Confira:

  • Comece a mastigar o alimento mais devagar. Isso auxilia na sensação de saciedade, além de possibilitar a melhor degustação do sabor da comida.
  • Descanse o talher entre uma garfada e outra. Um gesto simples que pode te ajudar a comer mais devagar e ingerir o alimento de forma correta.
  • Procure um local tranquilo para fazer suas refeições. De início, será mais fácil se concentrar em lugar que te permita ficar relaxado antes e durante o momento da refeição.

Serviço

Nutricionista Tetê Dias 
Telefone: (85) 9.8603-3298 
Instagram: @nutritete 




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: