Telesaúde

Raízes do bem

Conheça o motivo de incluir batata-doce, inhame e mandioca na sua dieta

16 de agosto de 2014

Você é daquelas que deixa de comer batata-doce, inhame e mandioca por serem fontes de carboidrato? Pois fique atenta a essa dica que a nutricionista Juliana Barros, do Club Detox de Fortaleza, deu pra gente!

A especialista chama atenção para um aspecto importante sobre essas raízes, mas que nem todo mundo tem conhecimento: “Elas também são fontes de substâncias importantes e nutritivas e que, consumindo moderadamente, saciam e podem até ajudar a emagrecer”, afirma a nutricionista.

Assim a gente até olha o alimento com outros olhos, não é mesmo?

Segundo Juliana, a batata-doce contém uma substância chamada Amido Resistente que, apesar de ser um carboidrato, se comporta no organismo como fibra insolúvel, o que garante que a fibra não seja digerida, resistindo às enzimas do intestino delgado.

  url

O inhame, assim como a batata-doce, possui índice glicêmico baixo e tem um fito-hormônio chamado diosgenina, capaz de reduzir a gordura corporal. Como se isso já não fosse suficiente para incluí-lo já em sua dieta, o inhame ainda tem ação antioxidante e anti-inflamatória.

Inhame

Já o motivo para adicionar a mandioca em sua dieta é pelo fato de ela ser rica em fibras, o que faz com que o carboidrato vire energia aos poucos, além disso, fibras são importantíssimas pois ajudam a regular o funcionamento do intestino.

shutterstock_129656480

Gostaram das novidades? Mas a especialista no assunto traz ainda mais um motivo para ingerir essa três raízes: “Elas aumentam os níveis de serotonina no corpo, agindo em regiões do cérebro que produzem a sensação de bem-estar”. Com esse neurotransmissor em alta, você fica mais resistente ao estresse e não corre o rico de aumentar a produção de cortisol, hormônio que faz o corpo estocar gordura na barriga. Passar na feira já, gente!

Captura de tela 2014-05-23 às 18.08.02

Dra. Juliana Barros

Nutricionista

Serviço:
Espaço Santah
Harmony Medical Center, Av. Dom Luís, 1233, sala 1906 e 1907
Contato: (85) 3081-4986 / (85) 8771-0363




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: