Indaiá 3

Depois de sofrer bullying e chegar aos 106kg Isabelle é exemplo de determinação

Menos 52kg e muita disciplina para manter a saúde e ter mais qualidade de vida

22 de julho de 2016

Isabelle Melo....Depois de sofrer bullying na adolescência por estar acima do peso, a Isabelle Melo, acabou se entregando a imagem que os coleguinhas faziam dela e engordou ainda mais. “Sempre fui gordinha, na minha infância e adolescência enquanto minhas amigas eram chamadas de lindinhas e gatinhas, eu era a baleinha e botijão de gás.  No começo isso me irritava, mas eu percebi que quanto mais raiva eu tinha, mais eu sofria com isso, pois ai é que eles não paravam mesmo. Então resolvi aceitar ser motivo de piada, sabe aquele ditado: ‘’se você não pode com eles, junte-se a eles’’? Pois é, foi mais ou menos isso que eu fiz, e acabei ficando cada dia mais gorda”, conta.

E a situação com o passar dos anos só foi se agravando. A Isabelle desenvolveu um compulsão alimentar, e transferia todos os problemas emocionais para as refeições. “Minhas dores e frustrações em relação ao meu corpo eram muito grandes. Ai o que eu fazia? Comia mais! Tristeza eu descontava na comida, alegria eu descontava na comida, raiva eu descontava na comida, fora quando eu tentava mil dietas e nada dava certo. E pior, minha família não tem uma pessoa acima do peso, literalmente, eu era a exceção”, revela.

A falta de estimulo e dificuldades para mudar eram tantas, que nem a ajuda profissional resolveu. “Meus pais gastaram muito com nutricionistas e endocrinologistas. Eu fazia tudo direitinho no primeiro mês, no segundo já não tinha tanta seriedade e no terceiro a dieta já tinha ido para o espaço. Minha família sempre me apoiou muito em tudo que eu quis fazer, principalmente minha mãe, mesmo assim não conseguia”, desabafa.

A hora da mudança

Foi após uma tragédia familiar que ela percebeu que era hora de mudar e começar a se cuidar. “Então passei por um momento muito difícil na minha vida, a perda do meu pai. Acabei me entregando ao vício de comer e quando eu vi pesava 106 kg aos 24 anos. Foram Isabelle Melo...tempos bem difíceis para mim e toda a minha família, mas unidos encontramos forças para nos reerguer. Percebi que eu precisava tomar uma atitude e me cuidar. Procurar um médico e comecei a me preparar para fazer uma cirurgia bariátrica (redução de estômago)”, revela.

Os processos de pré e pós operatório para cirurgias bariátricas necessitam de atenção especial e muitos cuidados, não é uma tarefa fácil e nem todo mundo está apto a fazer. Envolvem consultas com especialistas de diversas áreas, inclusive, psicólogos. Mas a Isabelle foi bem acompanha e era uma candidata dentro do perfil, sendo assim, tomou a decisão e fez a cirurgia. “No dia 06 de agosto de 2010 fiz minha cirurgia. Eu costumo dizer que nasci de novo nesse dia. No total perdi 52 kg. E não mudei só o corpo, a cabeça também passou por grandes transformações. Adquiri costumes e hábitos saudáveis que hoje fazem parte do meu dia a dia”, conta cheia de orgulho.

Antes e depois: dos 75 kg e muita gordura a um corpo cheio de músculos e definição
Publicitária elimina 36kg com alimentação equilibrada e atividade física
Com caminhada, ioga e pilates atriz Fernanda Machado perde 17kg após gravidez

Isabelle Melo..Além da saúde, a autoestima da Isabelle mudou completamente. “Hoje me acho uma mulher linda e sou muito feliz com o que consegui conquistar. Já são seis anos de luta, muitas conquistas e vitórias. Existiram momentos difíceis, mas cabe a mim escolher me entregar a eles ou não. E eu escolhi não me entregar!”, revela.

A cirurgia bariátrica não é milagrosa, é apenas o primeiro passo de uma série de mudanças para conquistar mais saúde e qualidade de vida. E como tudo nessa vida, precisa de determinação e vontade para mostrar os bons resultados. “As pessoas falam que é fácil, que é só fazer a cirurgia e pronto. Mas eu lhes digo que não é! Estou cansada de ver experiências com a redução mal sucedidas, pessoas que tentaram e não tiveram força de vontade pra ir ate o final e engordaram tudo de novo. É preciso estar determinada e focada. Mudar a cabeça antes de mudar o corpo. Com certeza a redução foi um grande passo para eu conseguir alcançar meu sucesso, mas se eu não tivesse essa determinação e força de vontade dentro de mim ela não teria servido de nada”, acrescenta Isabelle.

Isabelle hoje:




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: