Greenlife agosto

Aprenda a lidar com o suor durante o exercício físico

Molhar o corpo e vestir roupas justas aumenta a transpiração

16 de junho de 2014

suor academiaMusculação, ginástica localizada, corrida ou futebol. Seja qual for o exercício físico, ele sempre marca presença: o suor. Mas ao contrário do que muitos pensam, a transpiração é aliada da atividade física. Composto por águas e sais minerais, o suor ajuda a manter estável a temperatura do corpo. Mas você sabe lidar com isso? Tem problemas e se sente desconfortável ao encharcar o corpo com suor? Veja os cuidados e a importância de se cuidar ao treinar no calor.

1-Nada de enxugar: não basta suar, é preciso evaporar. Isso mesmo, a transformação da água em vapor é muito importante para que ocorra o resfriamento do corpo. A produção de suor por si só não diminui a temperatura do corpo, por isso, enxugar a pele antes que o suor vire vapor, impede que esse processo chegue ao seu fim e dificulta a regulação da temperatura.

2-Não molhe o corpo: jogar água no corpo parece uma ideia tentadora para reverter o calor? Pois saiba que quando o corpo está molhado, a evaporação fica muito mais difícil. É criada uma película entre a superfície da pele e a atmosfera, o que impede que as gotículas de água se transformem em vapor, e em consequência, o corpo continua retendo calor.

3-Muita água: já que suar é mais que necessário para manter a temperatura corporal adequada durante o exercício físico, o jeito é beber água para evitar a desidratação. Beber água durante os exercícios, mas sem exageros, é recomendado por especilistas. Beber água demais não ajuda, pelo contrário, pode causar desconforto gástrico durante a atividade física.

4-Beba água de coco: o suor não é composto apenas por água, dentro das gotículas também estão vários sais minerais, como o sódio, por exemplo. Por isso, apesar de ser um ótimo recurso, não fique apenas na água. Cerca de 100 ml de água de coco possuem 250 mg de potássio e 105 mg de sódio, além de vitamina C, magnésio, açúcares e cálcio. Isso faz da água de coco uma ótima opção para repor os fluidos perdidos durante a atividade física.

5-Escolha bem a roupa de treino: se você usar roupas largas permitirá que o ar circule ao redor da superfície corporal, diminuindo a temperatura da pele mais rapidamente. As roupas justas dificultam esse processo de perda de calor. E as roupas claras, por sua vez, retêm menos calor que as roupas escuras, o que impede o aquecimento corporal excessivo. Também vale apostar em roupas feitas com tecido tecnológico, que não absorvem o suor, mas facilitam a sua evaporação.

6-Modere em dias muito quentes: se você pratica atividade física ao ar livre, nos dias de forte calor vale a pena diminuir a intensidade e duração dos exercícios. Esse cuidado ajuda a evitar as cãibras e a exaustão, já que, como a atividade será mais leve, a elevação da temperatura corporal será menor. Opte por uma atividade mais tranquila, como uma caminhada, yoga ou uma aula de hidroginástica.




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: