Banner Orgânico

Tratamentos de beleza que garantem segurança para mãe e bebê

Conheça o top 5!

14 de Abril de 2016
FOTO: Divulgação

FOTO: Divulgação

Está provado que a gravidez é o momento ideal para ficar mais bela e a gestação não impede que as mulheres recorram a procedimentos estéticos para cuidar de sua beleza, desde que sejam realizados por profissionais capacitados.

Segundo a fisioterapeuta dermato-funcional Talita Bessa, a quantidade de hormônios que as mulheres recebem durante a gestação contribui para deixar a pele e os cabelos mais bonitos. No entanto, as mudanças que ocorrem nesse espaço de tempo podem fazer com que muitas enxerguem a gravidez como um fenômeno que pode acabar com a jovialidade e beleza do corpo feminino.

“A pele da mulher muitas vezes é colocada em segundo plano pois seu organismo está mais voltado para gerar o bebê. Por tudo isso, se faz necessário que cuidemos dessa pele de forma intensa de fora pra dentro com colocação de técnicas e dermocosméticos específicos e adequados para cada uma de forma individualizada”, explica a também fisioterapeuta dermato-funcional Monaliza Cavalcante, da Clínica Monaliza Cavalcante, de Fortaleza.

Dicas de proteção contra a zika, roupas e treinos para grávidas
Quanto tempo esperar entre uma gravidez e outra?
> O que o pilates pode fazer por uma gestante?

Porém, alguns cuidados com a aparência corporal e facial ajudam a preservar a harmonia do corpo da mulher ao longo dos nove meses de gestação, sem que a saúde do bebê seja colocada em risco.

“A mulher pode associar alimentação saudável, exercícios físicos e procedimentos estéticos para se sentir bem consigo mesma, mantendo, é claro, uma atitude responsável de observar algumas condições específicas antes de se submeter a procedimentos e profissionais de estética”, explica a Dra. Talita.

De fato, algumas intervenções são nocivas às gestantes e devem ser evitadas até o nascimento da criança, como os tratamentos de radiofrequência, eletroterapias e técnicas com aplicação de produtos que contenham ácidos na composição. “As moléculas doscompostos ácidos são muito pequenas e conseguem chegar até a placenta, sendo absorvidas pelo bebê”, alerta a especialista.

A drenagem linfática ou a massagem relaxante são dois procedimentos bem recomendados para as futuras mamães FOTO: Divulgação

A drenagem linfática ou a massagem relaxante são dois procedimentos bem recomendados para as futuras mamães FOTO: Divulgação

Confira alguns procedimentos “do bem”: 

Limpeza de pele

Durante a gravidez, algumas mulheres podem apresentar aumento de oleosidade no rosto e o surgimento de acne facial, principalmente no primeiro trimestre da gestação. A limpeza de pele não apresenta contraindicações para as futuras mamães, desde que seja respeitada a ausência de ácidos nos produtos auxiliares à limpeza. Pensando nisso, a comunidade dermatológica já desenvolveu produtos livres de substâncias nocivas à saúde da mulher gestante.

Drenagem linfática

É o tratamento estético mais indicado para a gestante, por ser uma massagem suave e lenta. “Ajuda a reduzir a retenção de líquido no corpo e diminui os inchaços típicos da gravidez, auxiliando, em conseqüência, na redução da celulite”, afirma Talita Bessa. As sessões podem ser iniciadas a partir do terceiro mês, cerca de duas vezes por semana.

Hidratação da pele

Hoje, mulheres mais com idade mais avançada estão engravidando mais e necessitam de mais cuidados faciais. E todas elas, de um modo geral, independente da idade, acham que não devem usar produtos de tratamento, ou muitas vezes acham que não podem tratar ou prevenir as manchas de forma mais específica. Isso não é verdade. “Todas as gestantes que estejam saudáveis precisam cuidar mais da pele e tudo que as envolve, pois durante esse período, o corpo delas está mais dedicado a gerar e nutrir o bebê e com isso, muitas vezes a pele dela (por não ser um órgão vital para o bebê) acaba sem receber os nutrientes”, explica a fisioterapeuta dermato funcional, Monaliza Cavalcante.

Massagem relaxante

A técnica pode ser aplicada por um profissional durante toda a gestação e consiste em uma massagem leve e que não causa dor. É uma poderosa ferramenta para aliviar dores na região lombar, muito comuns nas gestantes, além de diminuir a ansiedade. O foco do procedimento é o bem estar e o relaxamento da paciente.

Prevenção e clareamento de melasma – Aplicação de LED

Para o alívio de muitas mulheres, o melasma de gravidez, aquelas famosas manchas marrons que acometem algumas mulheres na região da face durante uma gestação, pode ser tratado e prevenido com a utilização de LED. Mas fica o alerta: segundo Talita Bessa, uma vez que as manchas apareçam, o tratamento só pode ser realizado após o parto, e nunca durante a gravidez.




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: