São Luiz RioMar

Hospital de Maracanaú inaugura equipamento pioneiro no Nordeste de parto normal humanizado na água

É primeira unidade de saúde pública do Ceará e a terceira do País, a realizar partos normais dentro de uma banheira

25 de setembro de 2015
FOTO: Divulgação

FOTO: Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (25), durante o encerramento da Semana do Bebê, ação em prol da primeira infância em parceria com o Unicef, foi inaugurado o primeiro equipamento para realização de parto normal humanizado na água do Nordeste. O Hospital Municipal Dr. João Elísio de Holanda, através do Centro de Parto Normal Agacil de Almeida Camurça, é a primeira unidade de saúde pública do Ceará e a terceira do país a realizar esse tipo de procedimento dentro de uma banheira.

De acordo com a assessoria de comunicação, o hospital realiza cerca de 350 partos por mês, dos quais 45% são cesarianas e 55% normais. O parto na água é uma maneira de estimular ainda mais as gestantes a optarem pelo parto normal, cujo principal benefício é a rápida recuperação da mãe após o nascimento do bebê.

Equipamento

A banheira tem capacidade de 450 litros e mantém a temperatura em cerca de 38º C.

FOTO: Divulgação

FOTO: Divulgação

Os partos na água serão acompanhados por equipe completa, com obstetra, neonatologista, terapeuta ocupacional, enfermeira obstetra e técnica de enfermagem. As gestantes poderão inclusive contar com a presença de marido, parente ou outro acompanhante autorizado.

Parto humanizado na água não oferece riscos ao bebê

De acordo com Vânia Crisna, enfermeira do Hospital Municipal Dr. João Elísio de Holanda, o parto normal na água favorece o nascimento mais natural para o bebê, já que ele continua envolto em água, como se ainda estivesse no útero da mãe, e em uma temperatura próxima a 38º C.

“Não há riscos de afogamento para o bebê. Quando nasce, a criança ainda respira pelo cordão umbilical por pelo menos 20 segundos”, explica.  Já para a mãe, o parto na água é benéfico, pois a temperatura da água aquecida alivia as dores das contrações, reduz o estresse, além de acelerar a irrigação sanguínea, relaxar os músculos e facilitar a saída do bebê.

 

 

 




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: