Câmara maio

Ibuprofeno não é recomendado para tratar coronavírus, segundo OMS

As autoridades ressaltam que o uso desse medicamento pode agravar o quadro de saúde de hipertensos e diabéticos com coronavírus

17 de março de 2020
Autoridades recomendam o uso de paracetamol em caso de aparecimento de sintomas do coronavírus

Autoridades recomendam o uso de paracetamol em caso de aparecimento de sintomas do coronavírus

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou, nessa terça-feira (17), para a não utilização do ibuprofeno para o tratamento de coronavírus (Covid-19).

A recomendação já havia sido feita pelo ministro da saúde francês, Olivier Véran, via Twitter no último sábado (14). No Tweet, Olivier ressalta que “tomar medicamentos anti-inflamatórios (ibuprofeno, cortisona, …) pode ser um fator para agravar a infecção”.

> Coronavírus: Ceará em estado de emergência de saúde pública

> Primeira morte por coronavírus no Brasil é confirmada

> Coronavírus: saiba quais são os cuidados necessários no dia a dia

A advertência das autoridades é justificada por um estudo publicado na revista científica Lancet, que evidencia que anti-inflamatórios não esteroides facilitam a entrada do vírus nas células.

Além disso, a pesquisa sugere que pacientes com diabetes e hipertensão, que fazem parte do grupo e risco da doença, possam desenvolver quadros mais graves em decorrência do uso.

Durante uma coletiva de imprensa em Genebra, o porta-voz da OMS, Christian Lindmeier, sugeriu a substituição do ibuprofeno por paracetamol durante o tratamento da doença.

Em caso de aparecimento de sintomas, como febre, tosse seca e falta de ar, procure a unidade de saúde mais próxima.




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: