Greenlife agosto

BCAA x fadiga: melhorando a performance no treino

A suplementação age inibindo a perda da força e potência durante o exercício físico

19 de agosto de 2015
FOTO: Divulgação

FOTO: Divulgação

Utilizados na nutrição clínica e esportiva, os conhecidos BCAAs são grandes aliados do exercício físico e podem melhorar a sua performance no treino. De acordo com a nutricionista Ticyana Falcão, de Fortaleza, eles estão relacionado com o balanço proteico muscular, secreção de insulina, modulação da imunocompetência, diminuição do grau de lesão muscular, no aumento da resistência e redução da fadiga.

“Ele são aminoácidos de cadeia ramificada, formados a partir da junção de leucina, isoleucina e valina, considerados essenciais, pois não são sintetizados pelo nosso organismo”, explica Ticyana.

Xô, fadiga!

Segundo a nutricionista, existem dois tipos de fadiga, a central e a periférica. Nelas, há perda de força e potência do exercício. Os mecanismos relacionados à ocorrência da fadiga são a hipoglicemia e a alteração plasmática na concentração de aminoácidos de cadeia ramificada e triptofano, fazendo produzir a serotonina, um neurotransmissor ligado ao sono, comportamento, fadiga, ingestão alimentar, entre outros aspectos.

“Os BCAAs, através da suplementação, agem com o triptofano, diminuindo a síntese de serotonina ou a liberação da mesma, o que, consequentemente, irá prevenir a ocorrência de fadiga central”, afirma.

Colaboração

Ticyana Falcão
Nutrição Esportiva

R. Barbosa de Freitas, 1990 – Aldeota
Contato: (85) 3055-0505




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: