Banner Granja Regina

Antes e depois de Nadine Fontenele: menos 16kg e paixão pelo surf

Além da melhora na alimentação, o corpo pedia por movimento.

10 de setembro de 2017
Antes e depois: Nadine perdeu 16kg em um ano.

Antes e depois: Nadine perdeu 16kg em um ano.

Antes e depois. Dores no joelho, faltar de e indisposição eram alguns sinais de alerta que o corpo de Nadine Fontenele, 40, demonstravam há um ano. Por conta da correria no trabalho, Nadine deixou de lado os cuidados consigo mesma. Em 2 anos, engordou quase 20kg. Ela se surpreendeu com as mudanças no corpo. “Nunca fui gorda, sempre fui magra”, comenta.

>Antes e depois de Larissa Feitosa: 18kg a menos e um novo estilo de vida
>30 quilos a menos e uma vida transformada
>Antes e depois Emilly Cruz: mudança de hábitos e 4 centímetros a menos de cintura em apenas um mês

O trabalho exigia viagens constantes, a alimentação ficava em segundo plano por falta de tempo. Comida de avião e aeroporto, muito fast food e comidas gordurosas faziam parte de seu cardápio. Em julho de 2016, decidiu mudar de vida. Saiu do trabalho e optou por aproveitar melhor seu tempo. “Decidi cuidar de mim”, conta a coordenadora escolar.

Antes e depois: Dieta e atividades físicas

A parte mais difícil para Nadine, que se autodenomina “uma formiga”, foi a reeducação alimentar; principalmente largar os doces. Na primeira semana de dieta, a nutricionista recomendou um detox: uma semana livre dos maus hábitos alimentares. Foi fundamental para desenvolver o autocontrole. Hoje em dia, com 63kg, “come de tudo”, porém em quantidades adequadas. Nada de exageros!

Além da melhora na alimentação, o corpo pedia por movimento. Nadine começou a praticar corrida. Em pouco tempo percebeu melhoras em seu condicionamento físico. Tentou academia, mas não funcionou. Encontrou sua maior paixão no surf. Precisava de algo que a desafiasse, que a tirasse de sua zona de conforto.

Desafios
O surf foi fundamental na mudança do estilo de vida de Nadine.

O surf foi fundamental na mudança do estilo de vida de Nadine.

Com medo de mar, dirigiu-se a uma escola de surf e foi com tudo. “O hábito de me exercitar gerou uma necessidade natural e diária”, conta Nadine. Pratica de duas a três vezes por semana (se pudesse, seria maior a frequência!). Para melhorar seu desempenho no surf, pretende voltar à academia, já que o esporte exige um melhor condicionamento.

“O surf mudou minha vida por completo. Mudou o físico, o mental e o emocional”, declara. Além de diminuir o estresse cotidiano, no mar todos os problemas somem, o esporte a ajudou a ser mais disciplinada em vários quesitos. Atualmente em outro emprego que também exige muito, Nadine procura ao máximo conciliar a rotina profissional às atividades físicas. Se antes não priorizava sua saúde, hoje não a deixa de lado por nada. “Eu tenho tempo, só preciso organizar esse tempo.”

Para os que estão tentando mudar de estilo de vida, Nadine aconselha: “As pessoas desistem das atividades físicas por falta de identificação. Você tem que buscar no esporte o prazer na realização dos exercícios, além de pensar só nos resultados”.




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: