Banner São Luiz – Miguel Dias

Acabe com a prisão de ventre comendo

Você sabia que quase todos os tipos de prisão de ventre podem ser resolvidos com alimentação correta aliada a uma rotina de exercícios?

30 de maio de 2014

priso-de-ventre-37266Cerca de 20% da população brasileira sente aquele mal estar, o inchaço e o desconforto causado pela prisão de ventre e a maior parte dessas pessoas são mulheres, que por razões hormonais têm o processo digestivo naturalmente mais lento. Em 90% dos casos, as causas mais costumam ser a dieta pobre em fibras, pequena ingestão de líquidos, o sedentarismo e também o consumo excessivo de proteína animal e de alimentos industrializados. Ou seja: a maioria das pessoas com prisão de ventre podem se livrar deste mal estar com mudanças na dieta e no estilo de vida, basicamente. Por isso, a gente trouxe pra você dicas de alimentos e exercícios que podem ajudar a acabar com a prisão de ventre ou, se você não tem, podem ajudar a prevenir.

O QUE COMER?

Além dos clássicos mamão e fibras, existem outros alimentos que ajudam a acabar com o sofrimento causado pela prisão de ventre.
-Linhaça – grande aliada do bom funcionamento do intestino, ela aumenta o transito intestinal, contribuindo para limpeza eficaz da região. Dica: consumir uma colher de sopa de semente de linhaça trituradas acompanhadas com leite ou iogurte uma vez ao dia.
-Abóbora – ajuda no equilíbrio da flora intestinal se consumida, no mínimo, três vezes na semana. Dica: consuma a abóbora na salada, com arroz ou como acompanhamento na hora de preparar a carne de sua preferência.
-Café – 
suas propriedades químicas são capazes de estimular a movimentação do bolo fecal. No entanto, deve haver moderação no seu consumo. A bebida não pode ser usada como alternativa laxativa pois pode ter efeito contrário. Dica: tome uma xícara de café logo pela manhã, diariamente.
-Lentilha –
 por causa de suas propriedades, a ingestão do grão facilita a redução de absorção de gorduras e aumenta o bolo fecal. Dica: substituir o feijão por lentilha no almoço ou na janta pelo menos três vezes por semana.
-Soja – é determinante no combate da prisão de ventre por ser fonte de glutamina, um aminoácido que funciona como um reparador intestinal. Dica: substitua o leite comum por leite de soje, ou aproveite também os sabores dos sucos de soja pelo menos uma vez por dia.

O QUE FAZER?

Conheça os exercícios que ajudam o intestino a trabalhar melhor
-Pular corda – Para quem tem pique, 25 minutos pulando corda é o suficiente para aumentar o fluxo sanguíneo do intestino. Se você está com a resistência física baixa, comece a pulando um pouco por dia e vá aumentando o ritmo gradativamente.
Minicama elástica – aquela mesma cama utilizada por quem pratica jump é uma alternativa a quem não pode pular corda por causa do impacto. Aqui, 25 minutos por dia também é o suficiente.
-Caminhar rapidamente – nesta modalidade, o tempo ideal para movimentar os órgãos do trato digestivo leva entre 35 e 45 minutos.
-Ficar de cócoras – nesta posição – e com o tronco curvado para a frente o máximo que puder –, você “acorda” o intestino. Algumas práticas, como a ioga e a ginástica natural, exercitam esse movimento, mas você pode fazê-lo em casa uma vez por dia, durante mais ou menos um minuto.

 




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: