São Luiz RioMar

Menopausa pode causar danos à visão da mulher

As chances de uma mulher desenvolver a catarata aumentam durante a menopausa

5 de dezembro de 2016
menopausa

A menopausa costuma ocorrer entre os 45 e 50 anos de idade.

Menopausa causa diversas mudanças hormonais nas mulheres e provoca diversas alterações no organismo. Além dos sintomas comuns desse período, como ondas de calor, distúrbios do sono, alterações de humor e ansiedade, outros problemas podem surgir durante a menopausa. Inclusive, os que envolvem a visão, isso porque as mudanças hormonais alteram o filme lacrimal causando a síndrome do olho seco, sensibilidade à luz e coceira nos olhos. Em muitos casos, até a catarata.

 

Menopausa x visão

 

Pesquisas da Associação Brasileira de Catarata e Cirurgia Refrativa apontam que as chances de uma mulher desenvolver a catarata aumentam durante a menopausa. O problema ocorre porque o organismo interrompe a circulação de estrogênio (hormônio feminino), alterando uma das camadas que formam o cristalino (lente natural do olho), que, por sua vez, precisa deste hormônio para bloquear a produção de uma proteína que causa a catarata. Por conta disso, especialistas costumam prescrever a reposição hormonal para retardar o desenvolvimento da doença.

 

Óleo de prímula pode diminuir sintomas de TPM e menopausa
Ginecologista esclarece as 7 dúvidas mais frequentes sobre anticoncepcionais
Especialista responde dúvidas frequentes sobre menopausa

 

Sintomas da catarata

 

No início do problema: há perda discreta da qualidade da visão, diminuição da acuidade visual noturna e visão desbotada das cores;

Na progressão da doença: a visão vai ficando mais turva e embaçada, daí as atividades que antes eram realizadas de forma rotineira (leitura, assistir à TV ou caminhar) podem ficar mais difíceis por conta do avanço da catarata.

 

Diagnóstico

 

As alterações decorrentes da catarata em suas fases iniciais não são facilmente percebidas e o diagnóstico, normalmente, não é feito a olho nu. “Apenas o oftalmologista pode solicitar exames que são necessários para a confirmação do diagnóstico, assim como indicar o melhor procedimento para o tratamento”, afirma o médico oftalmologista, de Fortaleza, Edmar Guedes.

“Dependendo da causa, a catarata pode se manifestar em um dos olhos apenas. Nos casos em que está relacionada à idade, doenças sistêmicas ou ao uso de corticoides, aparece nos dois olhos, mais frequentemente, de forma assimétrica, ou seja, pode estar mais avançada em um deles. A catarata é uma doença que possui o maior índice de cegueira reversível, isto é, na maioria dos casos, a visão retorna a níveis considerados normais após a cirurgia”, explica o especialista.

 

Tratamento

 

Para o tratamento, a única solução é a cirurgia. O método mais usado é o facoemulsificação, que permite a retirada do cristalino opaco e a substituição por uma lente intraocular. O procedimento, que leva aproximadamente 10 a 20 minutos, é realizado a partir de um pequeno corte com anestesia por colírio ou bloqueio local. A permanência no centro cirúrgico é de aproximadamente uma a duas horas, incluindo pré operatório, a cirurgia e a recuperação pós cirúrgica. Após o procedimento, o paciente recebe alta no mesmo dia.

 

Serviço

 

Dr. Edmar Guedes
Oftalmologista
View Clinic
Rua Monsenhor Bruno, 1595 – Aldeota – Fortaleza/CE
(85) 3458.2020




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: