Indaiá 3

Erick Vasconcelos superou a obesidade e se tornou triatleta

O sonho de ser atleta foi desestimulado por médico. Após 47 quilos perdidos, ele já participou de oito Ironmans.

24 de novembro de 2014
foto (92)

Erick já chegou a pesar 120 kg. Ele detonou 47 quilos e participa de campeonatos por todo o mundo.

Os dias que passou internado no hospital fizeram com que o diretor comercial Erick Vasconcelos, 43 anos, abrisse os olhos. Pesando 120 kg e com 1,66 cm, o rapaz era uma vítima da obesidade mórbida. A decisão de mudar de vida foi por questão de saúde, e o processo começou em 2001.

O primeiro passo foi procurar a nutricionista Ana Cristina Wolf, que o acompanha até hoje. Quanto aos exercícios físicos, ele começou com caminhas de 5 a 10 km, até chegar às de 21 km.

O que Erick não sabia é que a intenção de usar as atividades para perder peso foi muito além e ele se tornou triatleta. “Meu objetivo era fazer esporte para manter o peso, mas entrei no triathlon e me apaixonei. Depois disso já fiz oito Ironmans“, afirma.

O resultado foram 47 quilos eliminados da balança. Hoje ele pesa 73 kg. Mas como toda experiência tem seus obstáculos, esse percurso de emagrecimento não foi tão fácil. Mesmo após ter perdido 35 quilos, Erick ainda escutou palavras de desmotivação. “Nunca desisti, mas fiquei meio desanimado quando procurei um médico do esporte e ele me disse: Você nunca vai ser um atleta!”, conta.

Erick finalizou a prova Ironman Fortaleza com o tempo de 11:09h

Erick finalizou a prova Ironman Fortaleza com o tempo de 11:09h. Na foto ele aparece durante a primeira volta da maratona.

Erick já representou o Brasil nos mundiais de Ironman 70.3 nos EUA, Mundial de Log Distance na Espanha, Austrália e França. A estreia dele em Triathlon foi logo disputando um Ironman no ano de 2005 em Floripa.

“Sem nunca ter se quer feito um triathlon Sprint (750m de natação, 20km de ciclismo e 5km de corrida) fui logo para o Ironman (3.8km de natação, 180km de ciclismo e 42 km de corrida)”, lembra-se.

Erick sabe a garra que teve ao fazer isso, mas não aconselha fazerem o mesmo, já que o caminho foi inverso. O que ele indica é procurar um treinador físico e fazer o processo de forma gradual para evitar lesões.

Outra dica que ele dá é que as pessoas estabeleçam metas. “Trabalhe sempre com metas. Primeiro questione-se quantos quilos quer perder em um determinado tempo. Depois por objetivos, como correr de 5 km até a meia maratona de Fortaleza. Se eu consegui porque você também não pode?”, afirma.

 




QUEM LEU ISSO TAMBÉM LEU:







COMENTE: